MENU
Solicitar Orçamento
O que você procura?
Tudo o que você precisa saber sobre Logística de Estoque

Tudo o que você precisa saber sobre Logística de Estoque

Gestão

A logística de estoque é uma parte essencial de qualquer negócio que lida com o armazenamento e distribuição de mercadorias. É um processo complexo que envolve o gerenciamento eficiente de diferentes tipos de estoque, além de garantir a disponibilidade dos produtos certos, no local e momento adequados.

Neste artigo, vamos explorar os principais aspectos relacionados à logística de estoque, desde sua definição até a importância de utilizar sistemas para otimizar esse processo.

O que é logística de estoque?

A logística de estoque refere-se a todas as atividades relacionadas ao gerenciamento de materiais, produtos e mercadorias dentro de uma empresa. Isso inclui desde o recebimento das matérias-primas até a distribuição dos produtos acabados aos clientes.

O objetivo principal é garantir que haja um suprimento adequado de produtos em todos os estágios do processo, minimizando ao máximo os custos associados à armazenagem e movimentação de estoque.

Quais são os tipos de estoque na logística?

Na logística, existem diversos tipos de estoque que desempenham funções específicas no gerenciamento de materiais e produtos. Vamos explorar alguns dos principais tipos de estoque utilizados:

Estoque de antecipação

Também conhecido como estoque sazonal, é utilizado para atender a demandas esperadas em determinados períodos do ano. Empresas que trabalham com produtos sazonais, como roupas de banho no verão ou itens natalinos, precisam antecipar-se às datas de maior procura e garantir um estoque suficiente para atender à demanda durante esses períodos específicos.

Estoque de ciclo

Refere-se ao estoque necessário para suprir a demanda durante o ciclo de produção ou compra. Ele é baseado no tempo necessário para a produção, processamento e entrega dos produtos. O estoque de ciclo é calculado levando em consideração fatores como tempo de fabricação, tempo de transporte e tempo de processamento.

Estoque de proteção

Também conhecido como estoque de segurança, é uma reserva adicional de estoque mantida para lidar com incertezas e imprevistos que podem afetar a cadeia de suprimentos. Isso inclui atrasos nas entregas de fornecedores, problemas de qualidade, flutuações na demanda e outros fatores que possam causar interrupções no fluxo de produtos. O estoque de proteção é uma forma de garantir a continuidade das operações mesmo diante de eventos imprevistos.

Estoque máximo

Representa o nível mais alto de estoque que uma empresa está disposta a manter. Geralmente, é determinado com base em fatores como espaço disponível para armazenamento, capacidade financeira, sazonalidade e demanda do mercado. O estoque máximo é um limite estabelecido para evitar o acúmulo excessivo de produtos, que pode resultar em custos desnecessários de armazenagem e obsolescência.

Estoque mínimo

Refere-se ao nível mais baixo de estoque que uma empresa deve manter para evitar a escassez de produtos. É calculado considerando fatores como tempo de reposição, tempo de entrega dos fornecedores e demanda do mercado. Manter um estoque mínimo é essencial para garantir a disponibilidade contínua dos produtos e evitar perdas de vendas devido à falta de estoque.

Cada tipo de estoque desempenha um papel importante na gestão eficiente da cadeia de suprimentos. O equilíbrio adequado entre esses diferentes tipos de estoque é essencial para garantir o atendimento da demanda dos clientes, minimizar custos e otimizar o fluxo de produtos ao longo de toda a cadeia logística.

Como conciliar a logística com o estoque?

Para conciliar efetivamente a logística com o estoque, é necessário ter uma visão abrangente do processo. Isso envolve uma análise cuidadosa da demanda, planejamento adequado, monitoramento regular do estoque e coordenação eficiente de todas as etapas, desde a aquisição de materiais até a distribuição final.

Uma das estratégias mais eficazes é implementar um sistema de gerenciamento de estoque integrado. Esse tipo de sistema permite rastrear e controlar as movimentações de estoque em tempo real, fornecendo informações precisas sobre o status dos produtos, níveis de estoque, histórico de vendas e previsões de demanda.

Com essas informações, é possível tomar decisões mais informadas e ajustar os níveis de estoque de acordo com a demanda real.

Qual a diferença entre estoque e armazenagem?

Embora os termos “estoque” e “armazenagem” estejam relacionados, eles têm significados diferentes na logística.

O estoque refere-se aos produtos, materiais ou mercadorias que são mantidos pela empresa para suprir a demanda dos clientes. É o ativo principal em uma operação logística.

Por outro lado, a armazenagem é o processo de manter e gerenciar esses estoques. Envolve a alocação física dos produtos em um local apropriado, garantindo a sua segurança, organização e fácil acesso. A armazenagem também inclui atividades como recebimento, inspeção, estocagem, separação de pedidos, embalagem e expedição.

Como um sistema pode ajudar na logística?

Por meio de um eficiente gerenciamento de estoque, é possível calcular o giro dos produtos e aprimorar o processo de compras, reduzindo custos e evitando a aquisição ou produção excessiva de mercadorias que ficam paradas, por exemplo.

É fundamental que a gestão de estoque seja abordada de forma estratégica, integrando-se com os demais setores da empresa, desde a produção até as áreas financeira e comercial. Quando o controle de estoque é negligenciado pelos gestores, a empresa pode perder grandes oportunidades de vendas e enfrentar prejuízos.

Nesse sentido, é recomendável automatizar o controle de estoque, evitando falhas na gestão e danos ao negócio. Um software de gestão, como o oferecido pela Aethos Sistemas, representa uma excelente opção para aqueles que desejam otimizar os processos e maximizar os resultados.

Principais benefícios em utilizar um sistema:

  1. Melhor planejamento

Um sistema permite analisar dados históricos de vendas, tendências de mercado e outros fatores para prever a demanda futura de forma mais precisa. Isso ajuda a evitar a escassez ou o excesso de produtos.

  1. Redução de erros

A automação do sistema minimiza erros humanos, como a inserção incorreta de dados ou a falta de atualização do estoque. Isso melhora a precisão das informações e evita problemas operacionais.

  1. Maior eficiência

Um sistema de gerenciamento de estoque automatiza processos, como a geração de pedidos de compra, o rastreamento de remessas e a atualização de níveis de estoque. Isso economiza tempo e recursos, aumentando a eficiência geral da logística.

  1. Melhor atendimento ao cliente

Ao ter uma visão completa do estoque em tempo real, é possível responder prontamente às demandas dos clientes, fornecer informações precisas sobre disponibilidade de produtos e prazos de entrega, melhorando a satisfação do cliente.

Conheça mais sobre o sistema de gestão de estoque da Aethos Sistemas, clicando aqui.

COM NOSSO SISTEMA ESPECIALIZADO, TENHA CONTROLE SOBRE A MOVIMENTAÇÃO DE PRODUTOS, DESDE A ENTRADA ATÉ A SAÍDA.

Conclusão

A logística de estoque é uma peça-chave para o sucesso de qualquer negócio que lida com o fornecimento de produtos. Compreender os diferentes tipos de estoque, conciliar a logística com o estoque, diferenciar estoque e armazenagem e utilizar um sistema de gerenciamento de estoque são passos essenciais para otimizar esse processo.

Ao investir em uma gestão eficiente de estoque, as empresas podem alcançar maior eficiência operacional, reduzir custos e oferecer um melhor serviço aos clientes.

Voltar
O que você procura?
Relacionados
  • Business Intelligence: O que é e como o BI agiliza a tomada de decisão empresarial

    Business Intelligence: O que é e como o BI agiliza a tomada de decisão empresarial

    Destaque, Gestão

    Conheça a nova funcionalidade de BI integrada ao ERP. Preveja tendências, automatize análises e alcance o [...]

    LER MAIS
  • Manutenção Corretiva: Quais os Tipos e Como Evitar Prejuízos na Produção

    Manutenção Corretiva: Quais os Tipos e Como Evitar Prejuízos na Produção

    Indústrias

    Como evitar manutenções corretivas e não ter custos surpresa na sua empresa. Conheça os tipos de [...]

    LER MAIS
  • Como otimizar sua rota de entrega e lucrar mais?

    Como otimizar sua rota de entrega e lucrar mais?

    Gestão

    Este artigo explora estratégias cruciais para empresas de logística, e-commerce e serviços que dependem de [...]

    LER MAIS